Análise grupal aplicada ao estudo de matérias-primas cerâmicas da Plataforma do Mondego (Portugal Central)

José Vítor Lisboa, Fernando Tavares Rocha

Abstract


Com base no estudo estratigráfico, composicional e tecnológico de 51 amostras de matérias-primas cerâmicas da Plataforma do Mondego foi aplicada a análise grupal a um conjunto de variáveis seleccionadas em modo R que evidenciou correlações e afinidades entre as variáveis; a análise em modo Q, possibilitou o agrupamento de amostras fundamentado na sua composição e propriedades, permitindo igualmente inferir relações estratigráficas.

Keywords


amostra, argila, clusters, aptidão cerâmica

Full Text: PDF

 

 

Hosted and maintained by Método Directo.