Evolução da parte norte da península de Tróia

Marco Ferraz

Abstract


A análise da evolução da parte norte da restinga de Tróia, entre 1947 e 2005, foi realizada através de fotografias aéreas georeferenciadas. Foram traçadas e comparadas diferentes linhas de costa relativas a cada um dos períodos em estudo tendo-se procedido à quantificação das áreas de erosão e acreção. Através de interpretação estereoscópica foi possível definir a evolução do sistema dunar no mesmo período. Tróia é fundamentalmente afectada por processos acrecionários causando uma migração da linha de costa para W e disponibilizando sedimento para a formação de novas estruturas dunares.


Keywords


Acreção, erosão, duna, linha de costa, SIG

Full Text: PDF

 

 

Hosted and maintained by Método Directo.