Avaliação das áreas inundáveis a partir de registos históricos e paleohidrogeomorfológicos. Aplicação ao ordenamento do município de Soure

Alexandre Oliveira Tavares, Ana Isabel Andrade, Pedro Santos

Abstract


O espaço do município de Soure enquadra-se na bacia hidrográfica do rio Mondego, sendo drenada pelos rios Ega, Arunca e Pranto. No conjunto destas sub-bacias existem vários registos históricos de inundações. Para a cartografia das áreas inundáveis no município e o levantamento dos pontos críticos de escoamento superficial estabeleceu-se uma metodologia de análise que privilegiou a reconstituição histórica e paleohidrogeomorfológica. Os resultados permitiram identificar para o município uma área inundável de 35,4km2 e um total de 100 pontos críticos de escoamento superficial

Keywords


Município de Soure, áreas de inundação, pontos críticos de escoamento, reconstituição paleohidrogeomorfologica

Full Text: PDF

 

 

Hosted and maintained by Método Directo.