Erosão hídrica e instabilidade de vertentes na bacia hidrográfica da ribeira da Meia Légua

Fernando António Leal Pacheco, Maria Elisa Castro Catalão

Abstract


Foi avaliada a influência da erosão hídrica no desenvolvimento de instabilidades em muros de suporte a terraços de vinha localizados na bacia hidrográfica da ribeira da Meia Légua. Verifica-se um aumento exponencial das instabilidades quando se passa de áreas da bacia com perdas de solo por erosão hídrica inferiores 6 ton.ha-1.ano-1, consideradas muito baixas ou baixas, para áreas com perdas superiores a 15 ton.ha-1.ano-1 consideradas excessivas, concluindo-se desse modo que o fenómeno erosivo exerce uma influência directa e significativa sobre a estabilidade das vertentes da bacia.


Keywords


erosão hídrica, muros em pedra de suporte a terraços de vinha, instabilidade de vertentes.

Full Text: PDF

 

 

Hosted and maintained by Método Directo.